terça-feira, 29 de abril de 2008

Harry Potter se torna literatura obrigatória

Harry Potter se torna literatura obrigatória Estudantes britânicos sempre leram grandes clássicos da literatura durante o ensino médio. Mas agora, um inesperado livro foi adicionado junto às obras de Shakespeare e Dickens no planejamento educacional: “Harry Potter e a Pedra Filosofal”.De acordo com o tablóide inglês The Sun, o primeiro livro da série de sucesso de JK Rowling foi incluído no A-Level, exame para obter certificado de educação, realizado por alunos que cursam os últimos anos do ensino médio.A partir do próximo ano, estudantes terão de escrever uma estória de 800 palavras inspirada no livro e também uma redação de 1500 palavras comparando a autora de “Harry Potter” a outro escritor.A inclusão do bruxo no sistema de ensino britânico gerou polêmica e especialistas afirmam que ela pode trazer conseqüências negativas aos alunos. “Eu não acho que ‘Harry Potter’ seja apropriado. Pode até ser agradável de ler, mas não estamos tentando apenas manter os alunos ocupados. As crianças deviam ser encorajadas a ler grandes obras da literatura”, disse Nick Seaton, integrante da Campaign for Real Education.O AQA, órgão responsável pela decisão de adicionar o mundo do bruxo no exame britânico, defendeu os livros de JK Rowling. “Os livros de ‘Harry Potter’ são exemplos genuínos da literatura da nossa época e merecem um lugar nesta unidade”, disse um representante do AQA.

Nenhum comentário: